Clique Vestibular

ENEM

Enem em 2027: Adaptação ao Novo Ensino Médio Aprovada na Câmara

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) passará por mudanças em 2027 para se adequar ao Novo Ensino Médio, conforme previsto no texto aprovado pela Câmara dos Deputados na noite de 21 de março de 2024. A medida visa ajustar a prova ao novo modelo educacional, que terá início em 2025.

Ainda não há definição sobre o formato das alterações, mas a expectativa é que o Enem seja dividido em dois dias:

  • Primeiro dia: Avaliação da formação geral básica (comum a todos os estudantes)
  • Segundo dia: Avaliação do conhecimento específico do itinerário formativo escolhido pelo estudante (ex: técnico, linguagens, matemática etc.)

Formação geral básica:

  • Carga horária mínima de 2.400 horas para o currículo regular (4 áreas de conhecimento)
  • Carga horária mínima de 2.100 horas para o ensino profissionalizante (com possibilidade de até 300 horas articuladas ao curso técnico)

Outras mudanças:

  • Retirada da previsão de contratação de professores de “notório saber”, exceto para o ensino profissionalizante.
  • Carga horária em qualquer parte do currículo será ofertada de forma presencial, com exceções previstas em regulamento (possibilidade de educação à distância em casos excepcionais).

A aprovação na Câmara em março permite que, se aprovado no Senado ainda no primeiro semestre, o novo modelo do Enem tenha efeitos no ano letivo de 2025. A mudança era vista como urgente pelo MEC, parlamentares e secretários de educação, pois estava impedindo o debate de outras questões importantes, como o novo Plano Nacional de Educação (PNE).

Próximos passos:

  • Aprovação no Senado Federal
  • Regulamentação do novo modelo do Enem

Observações:

  • O texto ainda pode sofrer alterações no Senado.
  • A data de 2027 é apenas uma previsão, e o novo modelo do Enem pode ser implementado em outro ano.