Clique Vestibular

ENEM

Entenda como a UFPB utiliza o Sisu

A instituição oferece vagas  duas vezes ao ano, ambas utilizando o SiSU, uma em cada semestre.

UFPB ( Universidade Federal da Paraíba) não realiza vestibular próprio desde de 2013,, quando decidiu utilizar o  Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) como processo seletivo, e  um ano depois aderiu Sistema de Seleção Unificada (SiSU).

A instituição oferece vagas  duas vezes ao ano, ambas utilizando o SiSU, uma em cada semestre.

Para saber  quais cursos terão vagas ofertadas em cada uma das provas ´preciso consultar o site da UFPB. Os campos estão localizados nas cidades de em João Pessoa, Areia, Bananeiras e Rio Tinto.

Alguns cursos da universidade não utilizam o SiSU, como seleção para ingresso de seus alunos, seja na primeira ou segunda edição do sistema.

Veja abaixo os cursos não contemplados por meio do SiSU.

1° Semestre 

•    Física
•    Gestão Pública
•    História
•    Letras – Francês
•    Música
•    Música Popular
•    Música Regência de Bandas e Fanfarras
•    Pedagogia
•    Teatro
•    Matemática
•    Hotelaria

2° Semestre 

•    Administração Pública (EaD)
•    Artes Visuais
•    Ciências Agrárias
•    Ciências Atuariais
•    Ciências Biológicas
•    Ciências das Religiões
•    Ciências Naturais
•    Ciências Sociais
•    Cinema e Audiovisual
•    Computação e Informática
•    Direito
•    Estatística
•    Filosofia
•    Física
•    Geografia
•    História
•    História – Movimentos Sociais do Campo
•    Gestão Pública
•    Letras – Francês 
•    Letras – Inglês
•    Letras- Língua Portuguesa e Libras
•    Línguas Estrangeiras Aplicadas às Negociações Internacionais
•    Matemática
•    Medicina
•    Música
•    Música Regência de Bandas e Fanfarras
•    Pedagogia
•    Química
•    Relações Internacionais
•    Radialismo
•    Serviço Social
•    Teatro 
•    Tradução

Para alguns cursos  é exigido Testes de Habilidades Específicas (THE), música por exemplo e esses  utilizam a nota do Enem mas não utiliza o SiSU, Esse certame  é chamado de Processo Seletivo de Conhcimento Específico (PSCE).

Cotas na UFPB

A universidade oferece 50% de suas vagas para os cotistas que cursaram o ensino médio em escolas públicas em sua totalidade, exigência da Lei nº 12.711/2012, conhecida também como Lei de Cotas.
Também podem concorrer a cotas alunos que  que obtiveram certificação do ensino médio por meio do Enem, pelo Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) ou de exames de certificação de competência ou de avaliação de jovens e adultos realizados pelos sistemas estaduais de ensino.

Entre as vagas destinadas aos cotistas, foi separada uma uma porcentagem  para candidatos cuja renda familiar bruta per capita mensal seja menor ou igual a 1,5 salário mínimo, autodeclarados Pretos, Pardos e Indígenas (PPI) e também para pessoas com deficiência (PCD).

Notas mínimas na UFPB

A UFPB exige que o aluno tenha uma nota mínima de 400 na redação do Enem e que o mesmo  não tenha obtido pontuação zero em nenhuma das provas do Exame que os candidatos se inscreveram.  O peso do Enem não muda em todos os cursos.