Clique Vestibular

NOTÍCIAS

Exercícios de histologia pela Prof Ana

Exercícios e gabarito de histologia pela Prof Ana

Exercícios Histologia

Questão 1

(EBMSP 2016) O corpo humano é formado por quatro tipos de tecidos: conjuntivo, epitelial, muscular e nervoso. Cada um desses tecidos é formado por conjuntos de células que atuam de maneira integrada, desempenhando funções específicas. Considerando-se os conhecimentos sobre histologia, é correto afirmar:

a) O tecido epitelial se caracteriza por ser altamente vascularizado.

b) Células pertencentes aos tecidos epitelial, conjuntivo, muscular e nervoso de um indivíduo apresentam genes diferentes já que têm funções e características diferenciadas.

c) O transporte de íons através da membrana dos neurônios promove a sua despolarização, gerando o impulso nervoso que é iniciado nos dendritos e se propaga em direção ao axônio.

d) Em adultos obesos, o tecido adiposo é pouco vascularizado e é caracterizado por intensa proliferação celular.

e) Nos músculos estriados esqueléticos, os filamentos de actina e de miosina diminuem de tamanho, promovendo a contração muscular.

Questão 2

(IFCE 2016) Sobre o tecido glandular é correto afirmar que

a) O tecido glandular nunca se origina de um epitélio de revestimento

b) As secreções de todas as glândulas são chamadas de hormônios

c) as glândulas de secreção endócrinas são aquelas cujos produtos são lançados diretamente no sangue.

d) não existem glândulas endócrinas unicelulares.

e) as glândulas endócrinas podem ser tubulares, acinosas e alveoladas

Questão 3

(IFSUL 2015) O tecido epitelial está dividido em tecido epitelial de revestimento e tecido epitelial glandular. O tecido epitelial de revestimento, além de revestir o corpo, forra as cavidades internas como a traqueia e os brônquios. Observando sua aparência, nessas cavidades internas, tem-se a impressão de que existe mais de uma camada de células, pois, os núcleos, dispõem-se em diferentes alturas. Essa disposição celular caracteriza o epitélio.

a) uniestratificado

b) pluriestratificado

c) pseudoestratificado

d) de transição.

Questão 4

(ULBRA 2016) Segundo a Organização Mundial de Saúde, o tabagismo é a principal causa de morte evitável em todo o mundo, responsável por 63% dos óbitos relacionados às doenças crônicas não transmissíveis. Muitos dos órgãos e sistemas corporais podem ser afetados pelas mais de 4.000 substâncias presentes nos produtos à base de tabaco. Um dos sistemas mais comprometidos pela inalação da fumaça do cigarro é o respiratório. Este sistema pode ser caracterizado, em estado de normalidade, por

a) apresentar o revestimento traqueal e brônquico formado por um epitélio pseudoestratificado colunar ciliado dotado de células caliciformes.

b) espaços alveolares delimitados por epitélio estratificado pavimentoso, formado pelos pneumócitos tipo I e tipo II.

c) apresentar pregas vocais associadas à porção mediana da faringe.

d) movimentos dos músculos bucinadores, para cima e para baixo, que variam o volume da caixa torácica.

e) apresentar um percurso inspiratório dos bronquíolos para os alvéolos e daí para os brônquios.

Questão 5

(UPF 2015) A pele é um órgão bastante complexo de nosso organismo e é responsável por diversas funções essenciais à vida. Assinale a alternativa que apresenta somente informações corretas sobre a pele.

a) Na epiderme, camada externa da pele, encontram-se numerosas fibras colágenas e elásticas que conferem tonicidade e elasticidade à pele.

b) Na derme, camada localizada imediatamente sob a epiderme, estão os melanócitos, células que produzem melanina, pigmento que determina a coloração da pele.

c) A epiderme e a derme são formadas por células que estão em constante processo de renovação e que podem apresentar formas achatadas, cúbicas ou cilíndricas, organizando-se de maneira justaposta em uma ou mais camadas.

d) Na camada externa da pele, denominada epiderme, encontram-se células que fabricam queratina e a acumulam internamente. Quando repletas de queratina, essas células morrem e passam a constituir um revestimento resistente ao atrito e altamente impermeável à água.

e) Tanto na epiderme quanto na derme são encontrados numerosos fibroblastos, responsáveis pela produção de fibras colágenas que conferem elasticidade e tonicidade à pele

Questão 6

( FGV 2012) O epitélio respiratório humano é composto por células ciliadas e pelas células caliciformes produtoras de muco. A figura ilustra tal organização histológica em um brônquio humano.

A destruição dos cílios bronquiolares, promovida pelo alcatrão presente na fumaça do cigarro, propicia

a) o impedimento da ventilação pulmonar em decorrência da obstrução da traqueia

b) uma maior absorção da nicotina realizada pelo muco nos alvéolos.

c) a diminuição da atividade dos glóbulos brancos que atuam nos brônquios.

d) a redução da hematose, em função da destruição dos capilares.

e) a instalação de infecções respiratórias, devido à deficiência no transporte de muco.

Questão 7

(UDESC 2015) Tecidos epiteliais, também denominados de epitélios, desempenham diversas funções no nosso organismo.

Em relação a estes tecidos, analise as proposições.

I – Tecidos epiteliais são pluriestratificados em função de seu papel de proteção.

II- Alguns epitélios possuem especializações que aumentam a sua capacidade de absorção.

III- Especializações epiteliais do tipo desmossomos e junções adesivas aumentam sua capacidade de absorção.

IV- A pele é um exemplo de tecido epitelial de revestimento.

V – As glândulas mamárias, assim como as sudoríparas, são exemplos de tecido epitelial de secreção.

Assinale a alternativa CORRRETA

a) II e V são verdadeiras

b) I,III e IV são verdadeiras

c) II,III e V são verdadeiras

d) III,IV e V são verdadeiras

e) I,II e V são verdadeiras

Questão 8

(UFF 2010) As glândulas multicelulares se formam a partir da proliferação celular de um tecido e, após a sua formação ficam imersas em outro tecido, recebendo nutrientes e oxigênio. De acordo com o tipo de secreção que é produzido, as glândulas são classificadas basicamente em endócrinas e exócrinas. Entretanto, existe uma glândula que possui duas partes, uma exócrina e outra endócrina. A figura a seguir mostra um esquema comparativo da formação de dois tipos de glândulas.

Com base na figura, assinale a opção que identifica, respectivamente, o tecido de onde as glândulas se originam, o tecido onde elas ficam imersas, a glândula I, a glândula II e um exemplo de uma glândula exócrina.

a) Tecido epitelial, tecido conjuntivo, glândula exócrina, glândula endócrina e glândula salivar.

b) Tecido conjuntivo, tecido epitelial, glândula exócrina, glândula endócrina e tireoide.

c) Tecido epitelial, tecido conjuntivo, glândula endócrina, glândula exócrina e pâncreas.

d) Tecido conjuntivo simples, tecido epitelial, glândula endócrina, glândula exócrina e paratireoide.

e) Tecido conjuntivo frouxo, tecido epitelial, glândula endócrina, glândula exócrina e glândula lacrimal.

=====================================================

Gabaritos

  1. C

Comentário – O tecido epitelial não apresenta vascularização. Todas as células possuem os mesmos genes, o que diferencia cada tecido são as expressões desses genes. Nos neurônios, ocorre o transporte de íons que, através da despolarização, geram o impulso nervoso, propagado do dendrito para o axônio. O tecido adiposo é altamente vascularizado e não se divide, apenas aumenta de tamanho em um indivíduo adulto. Durante a contração muscular, ocorre um deslizamento entre os filamentos de actina e miosina, ocorrendo o encurtamento dos sarcômeros.

 

  1. E

Comentário – A epiderme dos mamíferos é formada pelo tecido epitelial multe estratificado pavimentoso e queratinizado. A camada córnea formada de queratinócitos mortos protege o organismo contra os elementos físicos, químicos e biológicos do ambiente. A epiderme também contém os melanócitos, células produtoras do pigmento pardo melanina que funciona como um filtro solar natural, protegendo o tegumento contra os danos causados pelo excesso da radiação ultravioleta emanada pelo sal.

 

  1. C

Comentário – O epitélio pseudoestratificado cilíndrico e ciliado, presente no revestimento interno da traqueia e dos brônquios, apresenta células com núcleos em diferentes alturas.

 

  1. A

Comentário – Os alvéolos são delimitados por epitélio simples pavimentoso. As pregas vocais localizam-se na laringe. Os músculos bucinadores encontram-se na região facial, na bochecha, auxiliando na mastigação, para assobiar, soprar e sugar, enquanto o músculo diafragma é o responsável pela variação do volume da caixa torácica. A direção do percurso inspiratório é dos brônquios para os bronquíolos e alvéolos.

 

  1. D

Comentário – Na epiderme, camada mais externa da pele existem várias camadas de queratinócitos, isto é, células que produzem queratina. Ao morrer, os queratinócitos formam a camada córnea, um revestimento resistente ao atrito, ao ataque de agentes infecciosos e altamente impermeável à água.

 

  1. E

Comentário –  A destruição dos cílios bronquiolares, promovida pelo alcatrão presente na fumaça do cigarro, propicia a instalação de infecções respiratórias, devido à deficiência no transporte do muco que retira micro-organismos e agentes poluentes do canal respiratório

 

  1. A

Comentário – [I] Falsa. Os tecidos epiteliais com função de absorção e o endotélio são uniestratificados.

 [III] Falsa. Os desmossomos e as junções adesivas aumentam a aderência entre as células epiteliais.

[IV] Falsa. A pele é um órgão constituído por tecido epitelial (epiderme) e tecido conjuntivo propriamente dito (derme).

 

  1. A

Comentário: As glândulas se originam a partir de tecidos epiteliais e ficam imersas em tecido conjuntivo, que as alimenta. A glândula I é exócrina, pois contém um canal por onde a secreção é eliminada. A glândula II é endócrina, pois é composta por uma cavidade fechada e sua secreção (hormônio) é lançado diretamente na corrente sanguínea. Um exemplo de glândula exócrina é a glândula salivar. O pâncreas é uma glândula mista, pois possui uma parte exócrina e outra endócrina.