O Ciclo da Mal√°ria

A malária (impaludismo, maleita ou febre intermitente) é causada por Plasmodium sp. (esporozoa), o agente etiológico desta doença.

06/03/2021- 20:49:43
ūüöÄ Postado por: Felipe Antunes

Foto: © Portal Biologia/divulgação

A malária (impaludismo, maleita ou febre intermitente) é causada por Plasmodium sp. (esporozoa), o agente etiológico desta doença. O vetor, organismo que transmite a doença é o mosquito prego (fêmea de Anopheles). Ao picar o homem (hospedeiro intermediário), o Anopheles (hospedeiro definitivo) injeta uma pequena quantidade de sua saliva no sangue humano, para evitar a coagulação do mesmo durante o ato da sucção; juntamente com a saliva, o protozoário parasita é introduzido na corrente sanguïnea humana. No sangue do homem o parasita fica incubado durante um período de 12 dias, nas células hepáticas.

Ao findar este período, os parasitas, criptozoítos, rompem as células hepáticas e caem na corrente sanguínea, infestando os glóbulos vermelhos (hemáceas). Nesta fase eles se dividem assexualmente e formam os merozoítos, os quais rompem as hemáceas e infestam outras. É neste momento do rompimento e reinvasão, que ocorrem os sintomas típicos da malária; febres altas, as vezes superiores à 40° C, e, os característicos calafrios. Os doentes com o progresso dos sintomas começam a ficar anêmicos. As febres podem se dar de dois em dois dias, ou de três em três dias, o que depende da espécie de Plasmodium que infestou o indivíduo. Eventualmente alguns dos parasitas não sofrem divisão assexual, mas formam gametócitos, os quais ficam incubados nas hemáceas; se outro mosquito (Anopheles) sugar o sangue deste indivíduo doente, os gametócitos passarão para o novo hospedeiro. Lá eles irão amadurecer e formar um gameta masculino e outro feminino, que ao se unirem formarão o zigoto. Este zigoto irá se implantar nas paredes do tubo digestivo, onde dará origem a vários esporozoítos, que quando liberados se alojarão nas glândulas salivares dos mosquitos.

As principais espécies de Plasmodium e os diferentes tipos de malária

Plasmodium vivax: Ciclo eritrocítico de 48hs. Febre terçã benigna, com acessos de febre a cada três dias.

Plasmodium falciparum: Ciclo erirocítico que varia de 36 à 48hs. Febre terçã maligna.

Plasmodium malariae: Ciclo de 72hs. Febre quartã, com acessos a cada 4 dias.

Plasmodium ovale: Esta espécie ainda não foi identificad no Brasil; o seu ciclo eritrocítico é de 48hs.

VEJA MAIS

26/10/2021
Conjun√ß√Ķes
Conjun√ß√ĶesEstabelecem uma coordena√ß√£o entre duas palavras, locu√ß√Ķes ou ora√ß√Ķes de mesmo valor:

NOT√ćCIAS